quarta-feira, 12 de abril de 2017

Em Nota, PC do B manifesta apoio à seus parlamentares, "Não temos nada a temer."


O Partido Comunista do Brasil (PC do B) manifestou em nota pública total apoio e confiança em seus paralmentares sobre possível investigação solicitada pelo ministro do STF, Edson Fachin, envolvendo a senadora Vanessa Grazziotin, o deputado Daniel Almeida e o dirigente partidário do Amazonas Eron Bezerra. Segundo a nota a investigação será arquivada por não haver nada em que os parlamentares possam temer.


Confira a íntegra do documento:

A Direção Nacional do Partido Comunista do Brasil e sua Bancada na Câmara dos Deputados manifestam total confiança nos nossos camaradas, a senadora Vanessa Grazziotin, o deputado Daniel Almeida e o dirigente partidário do Amazonas Eron Bezerra, diante das notícias divulgadas sobre a possível investigação pedida pelo ministro do STF, Edson Fachin. Certamente será arquivada. Não temos nada a temer.


Brasília, 11 de abril de 2017

Luciana Santos, presidenta do PCdoB nacional
Alice Portugal, líder do PCdoB na Câmara

Nota da senadora Vanessa Grazziotin:

A senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) esclarece que as doações feitas para suas campanhas foram oficiais, declaradas e posteriormente aprovadas pela Justiça Eleitoral.

Nota do deputado Daniel Almeida:

Sobre as notícias citando o meu nome em possível investigação no STF, não tenho nada a temer. Os baianos e os brasileiros conhecem minha trajetória de mais de 30 anos de atividade pública. Se algum inquérito for aberto, tenho total convicção que o destino será o arquivamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.