Boi de Maracanã realiza cerimônia de batizado e apresenta nova indumentária



Batizado do boi de Maracanã (Foto: Handson Chagas)

Homenagens e muita emoção durante a cerimônia de batizado do Boi de Maracanã, na madrugada do domingo (23). O evento, realizado na sede da brincadeira, no bairro de mesmo nome, reuniu brincantes e simpatizantes para lembrar o saudoso mestre Humberto Barbosa Mendes, o Humberto de Maracanã, que por muitos anos foi a voz da brincadeira. Na ocasião, foi apresentada ainda a nova indumentária do boi para esta temporada junina.

A agenda contou com cânticos, orações, ladainhas e visitas a nomes de referência para a brincadeira. Do batizado, na sede, seguiu-se orações na Igreja de Santo Antônio, visita ao arraial Amigos do Maracanã, oração na Igreja São Sebastião e encerrando com visitas a residências nos bairros Itapera e Vila Sarney.

Filho do saudoso Humberto Coutinho e atual cantador do Boi de Maracanã, Ribinha expressou sua satisfação com mais um projeto realizado. “É um ano de dificuldades, mas de alegria, pois o nosso grupo obteve grandes conquistas. Nosso batalhão de ouro ensaiou e hoje consolidamos com o tradicional batizado e apresentando nosso novo figurino para abrilhantar os festejos juninos nos vários arraiais da nossa cidade. Esse momento é de manter nossa tradição e a memória do nosso saudoso cantador, meu pai. Um momento de emoção”, disse.


O cantador Ribinha de Maracanã (Foto: Handson Chagas)

Quem participou do momento não escondeu a emoção. “No São João, o sotaque de matraca é o que representa nossa cultura, é dos melhores. A gente vem, se diverte e quer mais. O bumba boi é a expressão do folclore do nosso Estado”, enfatizou a brincante Carla Coreira, que integra o grupo de bumba boi.

Para o também brincante José Pinheiro Amorim estava emocionado com a festa tradicional. “É uma brincadeira que tenho no meu coração, que me dá satisfação e enquanto vida tiver e puder estarei acompanhando”, disse ele, que no grupo toca o instrumento tambor onça.

Humberto de Maracanã faleceu em janeiro de 2015, aos 75 anos. Era casado e pai de 22 filhos. Mestre em cultura popular reconhecido pelo Ministério da Cultura, também foi premiado como Mestre da Cultura Brasileira no 23º Prêmio da Música Brasileira.
Comentários

Comentários

  1. Vamos para o arraial comemorar a prisão do Lula!
    Sra. Doutora Ministra Cármen Lúcia heroína mineira. PT, franchão sórdido nauseabundo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Dia o que você achou dessa matéria!