quinta-feira, 17 de maio de 2018

Conselho Nacional de Saúde promove capacitação para agentes sociais de saúde




Uma iniciativa do Conselho Nacional de Saúde, em parceria com a Fio Cruz, Governo do Estado e Prefeitura de São Luis, o curso  de capacitação Educandos do Edpopsus e Educação Popular em Saúde, apresentou no último sábado (16) na Acib Vila Isabel, o penúltimo encontro de uma série de 15, ministrados com o objetivo de discutir o SUS e o direito humano a saúde para agentes sociais. No total são 15 turmas e mais de 525 alunos em São Luis,  na áreas  Itaqui-Bacanga (parceria com Acib), Centro e bairro Anil.


 “O que estamos fazendo aqui é entender a Saúde e o SUS, como era antes e o que significou a grande reforma sanitária, no final da década de 70 e o que significou a Constituição Cidadã e posteriormente a criação do SUS”, destacou a Dra. Silvia, facilitadora do curso.

O objetivo das oficinas é fazer as pessoas entenderem como funcionou e como funciona Sistema Único de Saúde o (SUS) desde a sua criação. O foco é o aperfeiçoamento em educação popular para agentes de saúde e profissionais que atuam na área e representantes comunitários como conselheiros, assistentes sociais, psicólogos, etc.


O Sistema de Saúde prejudicado pelo Governo Temer

A PEC 241/ congelou os gastos da saúde por vinte anos, durante o curso os agentes passam a entender os prejuízos para a saúde pública e para o próprio SUS,  com essa medida tomada pelo Governo Michel Temer.

“Às vezes agente acha que o profissional não pode ser multiplicador, pelo contrário pode e deve.  Então, nós trabalhamos o território Itaqui-Bacanga, para saber das carências  e repassar essas informações para a população através do aprendizado no curso”, destacou, a facilitadora Marcelina Lindoso.

“A tônica do curso é estar estimulando o pensar diferente, e de que maneiras podemos lhe dar por exemplo com casos antigos e aí melhorar a qualidade da nossa assistência”, pontuou,  Janete Nakatani coordenadora geral do curso.
























Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.