sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

SAFATLE APONTA O ESCÁRNIO: PAÍS COM LULA CONDENADO, TEMER PRESIDENTE E AÉCIO SENADOR




O filósofo Vladimir Safatle apontou o estado patético a que chegou o Brasil: "Um país onde Lula é condenado e Temer é presidente e Aécio Neves senador é algo da ordem do escárnio", escreve em sua coluna nesta sexta

247 - Em sua coluna nesta sexta, o filósofo Vladimir Safatle criticou os rumos da Justiça no Braisil e a condenação do ex-presidente Lula no TRF-4.


Confira abaixo alguns trechos do texto:

"Afinal, o que estamos a ver: o sinal exemplar do fortalecimento de um Poder Judiciário autônomo capaz de combater a corrupção nas mais altas esferas do Estado ou o último capítulo de um golpe visando aniquilar as possibilidades de um dos grupos políticos hegemônicos na política brasileira das últimas décadas voltar ao poder?

Note-se que, para funcionar, a tese da condenação de Lula como expressão da nova força do Poder Judiciário precisaria de fatos complementares que não existem na realidade brasileira atual.

Não é difícil perceber que os casos de corrupção condenados giram todos em torno, basicamente, de Lula, de seus operadores e de seus apoiadores.

A ala do MDB na cadeia (Sérgio Cabral e cia) é uma ala majoritariamente lulista. Eduardo Cunha (que não era ligado a Lula) está lá por ter se tornado muito perigoso para o funcionamento normal das negociatas do grupo no governo. Os outros todos estavam no núcleo de poder comandado pelo PT.

Ou seja, a sanha anticorrupção vai até Lula e termina nele. No entanto, para ser uma expressão de nova realidade do Poder Judiciário ela deveria, desde o início, ter sido devastadora também para os outros atores e setores da vida política nacional, o que simplesmente não foi o caso.

Um país onde Lula é condenado e Temer é presidente e Aécio Neves senador é algo da ordem do escárnio."

Fonte: 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.