sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

Canais de comunicação da Assembleia Legislativa cresceram exponencialmente em 2017


Ferramentas de diálogo e aproximação entre o Poder Legislativo e a população, os canais de comunicação da Assembleia Legislativa têm atingido cada vez mais o público. Em 2017, a participação da AL nas redes sociais, por exemplo, cresceu exponencialmente, divulgando as ações da Casa do Povo de forma ágil e transparente, além de conteúdos de interesse da população.

As contas nas redes sociais do Parlamento Estadual são importantes ferramentas para a democratização das informações criadas pela equipe de Comunicação da Assembleia. Nelas são divulgadas as ações da Casa e todo o trabalho dos deputados em prol da população maranhense. Também são publicados nas redes sociais todo o conteúdo produzido pela TV Assembleia, desde matérias factuais, reportagens especiais e documentários.

“A partir do momento em que se pensou e se executou um plano de comunicação mais abrangente, convergindo todas as mídias, deu certo. É um sinal de que comunicação tem que ser bem planejada, bem elaborada e de forma que a sociedade esteja presente no que se faz e no que se divulga. As redes sociais são uma plataforma muito democrática, em que o cidadão interage como um todo”, destacou Jacqueline Heluy, diretora da TV e Rádio Assembleia.

De janeiro a dezembro de 2017, a Agência de Notícias produziu 2.939 matérias. Desse número, 796 foram produzidas pela equipe do Portal e 2.143 pelas assessorias de Comunicação dos deputados.

Além do site oficial, atualmente a AL possui perfis nas principais redes sociais, como Facebook, Twitter e Instagram. Todo o conteúdo transmitido pela TV Assembleia (canal aberto digital 51.2 e 17 TVN) também é disponibilizado, na íntegra, nos canais do Youtube. Já as imagens fotográficas das sessões plenárias e outros eventos da Casa são hospedadas diretamente no Flickr, ficando disponíveis para compartilhamento.

Foram 2.165 vídeos publicados, entre entrevistas, reivindicações e demandas da sociedade, além de reportagens dos poderes Legislativo, Judiciário e Executivo. Uma média de 180 vídeos mensais, 8 documentários, 45 reportagens especiais e 10 vídeos institucionais. Tudo produzido pela TV Assembleia.

NÚMEROS NAS REDES SOCIAIS

Há pouco mais de cinco anos no ar, a página oficial da Assembleia Legislativa no Facebook (www.facebook.com/assembleialegislativama) possui 12.234 mil curtidores. Destes, 1.234 mil novos entre janeiro de 2017 e dezembro de 2017, com mais de 20 mil postagens na fanpage.

No Twitter (twitter.com/AL_Maranhao), 6.255 mil seguidores acompanham diariamente as postagens no microblog desde a sua criação, em novembro de 2011. De janeiro de 2017 a dezembro de 2017 foram 1.272 novos seguidores acompanhando as ações dos parlamentares. Até dezembro de 2017 foram publicadas 34,6 mil postagens.

O Instagram, criado em novembro de 2014, conta com 4.351 publicações e 2.782 seguidores. Possui 525 novos seguidores de janeiro de 2017 a dezembro de 2017.

Criado em novembro de 2011, o canal da TV Assembleia no YouTube (www.youtube.com/2012ALEMA) tem 6.185 inscritos e 9.059 vídeos publicados até dezembro de 2017. Já a conta da Agência (www.youtube.com/agenciaalema) possui 6.188 vídeos dos discursos dos deputados na Tribuna da Assembleia, publicados desde a criação do canal (outubro de 2012) até dezembro de 2017, com 1.906 inscritos.

Criada em janeiro de 2016, a conta do Twitter (@tvassembleiama) possui 1.141 mil pessoas acompanhando as postagens da TV e Rádio Assembleia, com 4.538 publicações. Já o Facebook (www.facebook.com/rtvalema) possui mais de 11.451 mil curtidores e mais de 3 mil publicações, divulgando as ações dos deputados e as informações de interesse público diariamente.

Criada em setembro de 2017, a página da Rádio Assembleia Online conta com 776 pessoas acompanhando as ações dos deputados estaduais diariamente, com uma diversificada grade de programação mais viva, informativa, participativa e animada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.