quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Políticos tucanos são os mais rejeitados do país






A pesquisa Ipsos divulgada nesta quinta-feira revela o grau de rejeição dos políticos diante da população; o campeão em rejeição popular continua sendo o fenômeno Michel Temer: ele é reprovado por 95% dos brasileiros; depois de Temer, políticos do PSDB são os campeões de apatia popular; o senador mineiro Aécio Neves tem rejeição de 93%; no topo da lista estão ainda o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito da capital paulista, Joao Doria, ambos cotados para disputar a presidência da República pelo partido em 2018. Alckmin é rejeitado por 67% dos brasileiros, e Doria é desaprovado por 63% da população; fora do PSDB, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, também considerado presidenciável, é desaprovado por 70% dos entrevistados; concorrente direto de Lula, Jair Bolsonaro tem índice de rejeição maior do que o do ex-presidente: 60%


247 - A pesquisa Ipsos encomendada pelo jornal O Estado de São Paulo, divulgada quinta-feira (23), revela o grau de rejeição dos políticos diante da população. O campeão em rejeição popular continua sendo o fenômeno Michel Temer: ele é reprovado por 95% dos brasileiros. Depois de Temer, políticos do PSDB são os campeões de apatia popular. O senador mineiro Aécio Neves tem rejeição de 93%.

No topo da lista estão ainda o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito da capital paulista, Joao Doria, ambos cotados para disputar a presidência da República pelo partido em 2018. Alckmin é rejeitado por 67% dos brasileiros, e Doria é desaprovado por 63% da população.

Fora do PSDB, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, também considerado presidenciável, é desaprovado por 70% dos entrevistados. O ministro é filiado ao PSD.

Concorrente direto de Lula nas pesquisas de intenção de voto no cenário pré-eleitoral, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) tem índice de rejeição maior do que o do ex-presidente: 60%. Lula não foi aprovado por 56% dos entrevistados.

Segue abaixo o restante da lista dos pesquisados e seus respectivos níveis de rejeição:

Cármen Lúcia: 44%

Ciro Gomes: 63%

Deltan Dallagnol: 46%

Dilma Rousseff: 79%

Esdson Fachin: 49%

Fernando Haddad: 67%

Fernando Henrique: 77%

Gilmar Mendes: 83%

Joaquim barbosa: 42%

José Serra: 80%

Luciano Huck: 32%

Marina Silva: 56%

Renan Calheiros: 88%

Rodrigo Maia: 74%

Sérgio Moro: 50%

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.