sexta-feira, 17 de março de 2017

Operação "Carne Fraca": Parte da propina com carne "podre" teria ído para o (PP e PMDB)


247 - O resultado da Operação Carne, deflagrada nesta sexta-feira 17 contra gigantes do setor de carnes no Brasil, pode afetar seriamente a imagem do Brasil no exterior levar à criação de barreiras fitossanitárias e prejudicar as exportações de carne brasileiras.

As suspeitas são de que gigantes do setor pagaram propina a fiscais do Ministério da Agricultura para liberação de licenças e fiscalização irregular de frigoríficos. Elas também teriam adulterado produtos. Parte da propina teria sido repassada para partidos políticos como o PP e o PMDB, segundo o delegado federal Maurício Moscardi Grill.

O Brasil é o maior exportador de carne bovina e de frango do mundo, e ocupa o quarto lugar na venda de suínos para outros países. Em 2016, os três segmentos, juntos, responderam por 6,9% das exportações - R$ 11,6 bilhões.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.