sexta-feira, 31 de março de 2017

Dia mundial da juventude é comemorado em São Luis


 O Deputado Cabo Campos (DEM) em apoio ao Fórum Municipal de Juventudes realizou Audiência Pública na Assembleia Legislativa com o tema, "Direitos da Juventude" o evento teve como objetivo discutir os desafios para a criação e implantação das políticas públicas de Juventudes, conforme destaca a Secretária Executiva do Fórum, Miranilde Silva: "o Dia Municipal de Juventudes é um momento de reflexão e cobranças ao poder público a execução dos direitos dos jovens, assegurados no Estatuto da Juventude, que foi aprovado em 2013", enfatizou.



Cabo Campos falou da iniciativa e da importância da força da juventude como promotora de mudanças sociais. "Os jovens não são apenas o nosso futuro, eles são o nosso presente. Eles formam a geração mais conectada, mais sincera e mais aberta a outras opiniões que o mundo já viu. Não é suficiente termos esperança por um futuro melhor. Temos que agir agora, por isso da importância dessa iniciativa", afirmou.



A comemoração aconteceu com evento na Praia Grande, com apresentação de dança, discotecagem e oficinas sobre sexualidade, educação e direitos juvenis, com alunos da rede estadual de Educação.

O Dia Mundial da Juventude foi instituído em 1985, durante o Ano Internacional da Juventude, promovido pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Panorama da Juventude

A Lei 12.852, de 05 de agosto de 2013, instituiu o Estatuto da Juventude, definindo diretrizes, responsabilidades, direitos e deveres na elaboração e efetivação de políticas públicas para os jovens. 

Um dos principais pontos definidos foi a faixa etária do jovens: são aqueles de 15 a 29 anos, observando-se, de 15 a 17 anos, a aplicação do Estatuto da Criança e do Adolescente. Essa definição nortea a gestão pública, uma vez que a idade jovem era desordenada: a saúde considerava até os 25 anos e os partidos políticos até 31 anos, por exemplo.

O Sistema de Indicadores Sociais de São Luís apresenta um conjunto de dados sobre a cidade e alguns recortes de juventudes por exemplo:

1. Número de domicílios sob a responsabilidade com jovens de até 19 anos: 4.011 

Bairros com piores indicadores: Cidade Olímpica e Vila Nova;

2. Homicídio Juvenil Masculino (2013): 280 registros

Crimes Violentos Letais (Fevereiro de 2017/SSP-MA): 58 mortes, sendo 30 jovens (51%), deste 22 do sexo masculino e outros 8 sem gênero especificado;

3. Média salarial juvenil: R$ 1.041,32 - São Luís está entre as 10 capitais brasileiras com os salários mais baixos para os jovens;

4. Jovens mães com menos de 20 anos: 2.976;

5. Jovens que abandonaram o ensino médio público: 4.336;

6. Jovens que reprovaram no ensino médio público: 7.334.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.