domingo, 20 de novembro de 2016

Cabo Campos homenageia a Igreja Assembleia de Deus Nação Madureira

 Foto: JRoberto Pastor Amarildo Martins da Silva, presidente da Convenção Estadual das Assembleias de Deus Ministério Madureira
A homenagem aos 87 anos da Igreja Assembleia de Deus Nação Madureira aconteceu na Assembleia Legislativa, durante sessão solene proposta pelo deputado Cabo Campos. O ministério que completa 87 anos no Brasil e quase 30 anos no estado, chegou ao Maranhão em 1987, no município de Caxias, à época aos cuidados do Pastor Manasés, em 1988 o ministério veio para capital sob o comando do Pastor Antonio Lins dos Santos e se instalou no bairro São Bernardo. Atualmente  a Igreja  está presente em 172 municípios maranhenses.

O deputado lembrou a importância do trabalho social prestado pelo ministério no resgate de vidas ao longo de sua trajetória, "O Trabalho da Igreja chega aonde o poder público não alcança, com grande solidariedade além do bem estar social,  temos o resgate dos valores humanos, o resgate das famílias, pessoas que foram arrancadas das drogas e do álcool através dessa grande obra no nosso estado", disse Cabo Campos.

 Foto: JRoberto


O Pastor Amarildo Martins da Silva destacou do papel social realizado nas Igrejas, "Nós trabalhamos com a parte da sociedade esquecida pelo poder público, um povo de onde a gente não espera receber, então quando a gente faz esse trabalho, dá um prazer muito grande e o reconhecimento acaba aparecendo mais cedo ou mais tarde, Então nós temos muita tranquilidade quanto a isto e agradecemos ao deputado Cabo Campos por essa singela homenagem", afirmou.




Estiveram presentes na cerimônia de homenagem aos 87 anos da Assembleia de Deus Nação Madureira Brasil, a secretária municipal de Segurança Alimentar, Fátima Ribeiro representando o prefeito de São Luis, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), o Pastor Amarildo Martins da Silva, presidente da Convenção Estadual das Assembleias de Deus Ministério Madureira nos estados do  (MA e TO), o deputado Eduardo Braid (PMN), o Pastor Mariano Garcia da Conceição e demais ministros evangélicos.













Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.