quinta-feira, 30 de junho de 2016

Raposa: Ronaldo Serra mostra que é possível uma gestão participativa


Morador do município de Raposa há pouco mais de uma década, o jovem Ronaldo Serra, 25 anos, que nas próximas semanas se forma em Direito pela Faculdade do Maranhão tem mostrado a todo município de Raposa que é capaz de conduzir uma gestão onde a sociedade seja amplamente ouvida e beneficiada, tendo a juventude como caminho para concretizar um futuro melhor para todos.

Atuando como coordenador do Movimento Popular da Juventude de Raposa (MPJR), tem conduzido diversas ações de grande impacto, tais como atendimento médico, curso de teatro, palestras motivacionais, cinema caseiro em diversas comunidades afastadas da região central de Raposa, além de pré-vestibular gratuito para jovens.

Procurado por nossa redação para saber sobre suas pretensões políticas e para esclarecer os boatos de que seria candidato a Vice-Prefeito na chapa conduzida por Ocileia Fernandes (filha do ex-prefeito de Raposa, Paraíba, e pré-candidata a Prefeitura pelo PRB), Ronaldo Serra negou que o MPJR seja ponte para obtenção de qualquer cargo público e repreende sempre que algum apoiador dos projetos que o movimento executa tenta puxar para este viés. “Nós, o movimento, lutamos pelo social; Enquanto estiver coordenando as ações jamais permitirei que tanto esforço vire fantoche na mão de políticos!”, porém não descartou a possibilidade de concorrer a vice-prefeitura na medida em que se absteve de responder a esta pergunta.

Pré-candidato a vice-prefeito ou não, uma coisa é certa, Ronaldo Serra está de parabéns por todo trabalho social que vem desenvolvendo no município de Raposa, sobretudo no que diz respeito a juventude, sobretudo por que está representa mais de 30% (trinta por cento) do eleitorado local e ainda sim é bastante esquecida.

Vamos aguardar o desenrolar desta história acompanhando bem de perto o passo-a-passo da política raposense e torcer para que aqueles que disputem e saiam vitoriosos desenvolvam seu trabalho com responsabilidade social, pois Raposa possui um dos piores IDH (índice de Desenvolvimento Humano) do Estado do Maranhão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.