segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Imprensa maranhense está de luto com a morte do jornalista Marinaldo Gonçalves

Marinaldo, inicialmente teve morte cerebral e estava no hospital Geral 
A imprensa maranhense está de luto nesta segunda-feira, (13), com o falecimento do jornalista Marinaldo Gonçalves. O corpo está sendo velado na Pax União (Rua Grande), e o sepulmento acontecerá às 16 horas no cemitério do Gavião. 

Ele estava com morte cerebral anunciada desde o início do último final de semana e se encontrava internado no Hospital Tarquínio Lopes (Hospital Geral) desde a última segunda-feira, (06), depois de uma passagem por dois meses naquela casa de saúde.

Marinaldo Gonçalves trabalhou na TV Difusora na década 70, quando passou por um seletivo para reportagem com outras sete pessoas.“Foi um pioneirismo que a gente hoje em dia olha e acha graça. Na época era trabalhoso”, disse em depoimento ao Especial 50 anos da TV Difusora em 2013. 

Ainda na área televisita também fez parte do quadro profissional da TV Cidade e do Sistema Mirante de Comunicação. No jornalismo impresso iniciou no jornal Tribuna de São Luís e militou nos jornais Diário do Povo, O Jornal, Jornal de Hoje, O Debate e foi assessor de comunicação da Prefeitura de São Luis, da Assembléia Legislativa e da Prefeitura de Açailândia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui.